Menu

Microsoft, Sony e Nintendo se unem contra tarifas impostas por Trump

Microsoft, Sony e Nintendo escreveram uma carta aberta em protesto ao governo norte-americano, que quer impor tarifas em produtos fabricados na China

Rivais no mercado, mas unidas por um bem comum. Microsoft, Sony e Nintendo se uniram para formar para publicar uma carta aberta em protesto ao governo dos Estados Unidos.

LEIA MAIS: Steam Promoção de Férias | Lista de preços dos melhores jogos

O motivo é que Donald Trump quer impor uma taxa adicional de 25% a produtos importados da China, desligar as fabricações chinesas e centralizá-las internamente no país norte-americano.

Isso deixou a indústria de games bastante preocupada, pois coloca empregos em risco, fere o poder de compra do consumidor e afeta o mercado com um todo.

A carta começa com a importância da indústria dos games para os Estados Unidos, incluindo quantidade de empregos gerados e pela receita movimentada nos últimos anos – que atingiu US$ 43,4 bilhões em 2018.

Em seguida, Microsoft, Nintendo e Sony dizem que o setor enfrenta dificuldade para produzir de seus hardwares e que depende de mão-de-obra especializada e produção complexa em que a China está diretamente envolvida.

“A cadeia de fornecimento de consoles de videogame se desenvolveu na China ao longo de muitos anos de investimento por nossas companhias e nossos parceiros. Seria necessária uma ruptura significativa na cadeia de distribuição para mover as fontes inteiramente aos Estados Unidos ou outro país terceiro e isso aumentaria os custos – ainda além do custo das tarifas propostas – em produtos que já são fabricados sob condições de margens apertadas”, dizem Sony, Microsoft e Nintendo no comunicado.

“Por conta da profunda interdependência de consoles de videogame e softwares, e devido à sensibilidade que os compradores têm em relação aos preços, as tarifas prejudicariam não apenas companhias, consumidores e lojas, mas também, desproporcionalmente, os milhares de desenvolvedores, pequenos e médios, de softwares e acessórios nos Estados Unidos. Logo, essas tarifas teriam um efeito danoso em cascata, podendo se estender por todo o ecossistema de videogames”, diz trecho da carta.

Todo o conteúdo da carta pode ser visto através deste link. (em inglês)

O assunto está em discussão e por enquanto, as tarifas ainda não entraram em vigor. Vários grupos alertam sobre os perigos desta imposição de Trump. Até o momento, a situação segue em observação.

Qual sua opinião sobre isso?

Siga-nos