Menu

Problemas com Joy-Con do Switch faz Nintendo ser processada nos EUA

O escritório de advocacia norte-americano Chimicles, Schwartz Kriner & Donaldson-Smith abriu um processo coletivo de consumidores contra a Nintendo.

LEIA MAIS: ROG Phone 2| ASUS anuncia nova geração do smartphone gamer

O motivo da ação é que há problemas técnicos envolvendo os controles Joy-Con do Nintendo Switch, onde diz que são “defeituosos”, principalmente pelo efeito de “drifting” nos analógicos, que faz movimentar a tela sem interação do usuário.

O processo está no nome de Ryan Diaz, que comprou um Switch em 2017. Após 11 meses, Joy-Con esquerdo começou a ter esse problema.

Mesmo levar para o reparo, o problema continuou o problema se manteve nos dois controles substitutos que comprou.

O conteúdo da ação reforça que este problema de “drifting” é recorrente do Switch cita depoimentos de donos de Switch em fórus do GameFAQs, reddit e da própria Nintendo.

Consumidores norte-americanos que sofrem com o problema podem entrar na ação preenchendo um formulário online. A Nintendo não comentou sobre o caso.

Siga-nos